Soluções para corrimões e guarda-corpos de vidro

Glass Vetro lança no Brasil diversos sistemas práticos para montagem desses itens construtivos

Até recentemente se o vidraceiro quisesse oferecer os serviços de montagem de guarda-corpo ou corrimãos de escadas precisaria ter uma boa dose de paciência. Precisaria ainda dominar as técnicas para a fixação e resistência dos materiais e contar com um bom fornecedor de estruturas metálicas, sejam elas de ferro, aço inox ou alumínio. Mesmo com tudo isso, eram praticamente inevitáveis os erros de medidas dos vidros devido a peças feitas fora de tamanho, falhas nos cálculos ou na medição.

Conhecedora dessa dificuldade dos vidraceiros, a Glass Vetro trouxe da Europa e dos Estados Unidos diversos sistemas que prometem facilitar essa tarefa. São várias opções, feitas em aço inox e outros materiais que podem ser utilizadas em diversas ocasiões. Existem modelos para aplicações simples residenciais e até modelos para a utilização em instalações públicas e guarda-corpos de edifícios. Cada produto tem suas características próprias e sistemas de fixação e montagem diferentes.

Para dar uma amostra do que se tratam essas novidades a revista Tecnologia & Vidro acompanhou o passo-a-passo da montagem de uma das versões mais simples e decorativas:  um corrimão destinado principalmente a aplicações residenciais.

A montagem foi realizada na loja da Glassvetro em São Paulo por Nelson Libonatti.

Passos do 01 ao 07

1
PASSO 01
O sistema para corrimões é composto por vários kits colunas. Cada kit é fornecido com diversas hastes reguláveis e botões ajustáveis. Tais colunas suportam uma peça de vidro com até dois metros de comprimento e até 1,10 m de altura. Ou seja, para uma escada com seis metros seriam precisos quatro kits, contando os kits posicionados no começo e no final.
2
PASSO 02
Para a instalação é necessário uma furadeira/aparafusadeira, martelo, quatro chumbadores tipo parabolt, chaves Allen, chave de boca e duas ventosas para manipulação dos vidros. A instalação é feita com pelo menos duas pessoas.
3
PASSO 03
Todas as hastes do kit coluna são reguláveis, o que permite a instalação de vidros em curvas ou que ela sustente vidros curvos. Além disso, todos os botões de suporte do vidro são ajustáveis, facilitando a correção de pequenas diferenças de furação.
4
PASSO 04
Nesta montagem usamos um vidro temperado de 10 mm. O sistema, entretanto, permite abrigar vidros de 8 mm a 15 mm. Para maior segurança seria recomendável utilizar um laminado de temperados composto por duas peças com 6 mm de espessura.
5
PASSO 05
Para começar, demarca-se quatro furos no chão por cada coluna e aplicam-se os chumbadores tipo parabolt nos furos.
6
PASSO 06
Posiciona-se a coluna e apertam-se os parafusos. Com a pressão, os parabolts se expandem no furo e fixam rigidamente a coluna.
7a7b
PASSO 07
Solta-se todas as hastes que regulam a horizontalidade do vidro e a verticalidade da coluna.

Passos do 08 ao 14

8a8b
PASSO 08
Posiciona-se o vidro já furado com a ajuda de ventosas.
9
PASSO 09
Entra-se com as hastes parafusos dentro dos furos e rosqueia-se o parafuso.
10a10b
PASSO 10
Apertam-se as peças para que elas fiquem ajustadas nas medidas corretas de um vidro e outro, e no alinhamento correto do vidro.
11a11b
PASSO 11
Repete-se essa operação em todos os vidros, lembrando-se que os vidros vão entre as colunas e, quando se chega no fim de curso, o vidro passa a coluna. Dessa forma, uma placa de vidro no começo ou no final deve ter o mínimo de seis furos. Isso para que o vidro possa ultrapassar a haste do braço duplo.
12
PASSO 12
Por último encaixa-se o tubo do corrimão. Trata-se de um tubo de aço de duas polegadas fornecido pela Glass Vetro, na medida em que se desejar. A empresa fornece também cotovelos sob medida. A peça de encaixe coluna-tubo é fornecida no kit.
13
PASSO 13
Lembrando que a altura do vidro pode ficar acima ou abaixo do corrimão. A altura da coluna é de 85 cm sem o tubo e de 90 cm com o tubo aplicado.
14
PASSO 14
A peça descrita nesta seção atende às normas de corrimãos. É bastante versátil e decorativa.

Artigos Relacionados